Único.

Eu passei por muita coisa e demorei muito tempo para me permitir de novo, para me deixar confiar em alguém de novo.

Mas com você, tudo é tão fácil, natural e simples.

Quem me conhece sabe o quanto o silêncio sempre me incomodou, o quanto eu quero sempre saber e entender as coisas, e que, sem respostas eu fico insegura. Mas contigo tudo é tão calmo, e pela primeira vez o silêncio não me incomoda, o teu silêncio me conforta e me acalma.

Um relacionamento calmo, sem medos, sem rodeios, sem jogos e sem dramas.

Duas pessoas ali, tranquilas e andando de mãos dadas. Algo que nunca vivi antes.

Somos tão diferentes, mas nos completamos e encaixamos tão bem.

Adoro estar contigo, teu sorriso me alegra, teu abraço me acalma e teu jeito comigo me trouxe a esperança, que pensei nunca mais sentir de novo.

Obrigada por isso.

Como uma brisa fresca

Eu prometi para mim, um ano.

Um ano para me curar, para respirar e conseguir talvez confiar em alguém novamente.

Não foi fácil.

Eu achei, quase todos os dias que eu nunca mais conseguiria ver “verdade” nos olhos de alguém.

Que depois de tudo que passei nos últimos 3 anos, eu nunca mais conseguiria olhar para alguém sem esperar pelo pior.

Porque sim, eu conheci a pior face de alguém, aquele tipo de pessoa que parece ser um anjo, mas que por dentro carrega toda escuridão do mundo.

Aquele tipo de pessoa que não sabe ser feliz, que sempre destrói quem está por perto.

Eu conheci, e foi difícil para mim aceitar que alguém pudesse ser assim. Morto por dentro.

3 anos para entender que, sim, existem pessoas más. Que por mais que eu negasse, não foi por ingenuidade que ele fez o que fez, nem por ser imaturo ou inseguro. Mas sim, por carregar essa infelicidade constante, essa maldade, falta de caráter disfarçada de insegurança e fragilidade.

Eu demorei, mas finalmente consegui. Aceitei e segui.

Foi necessário um ano, para desfazer todas as manipulações, mentiras, jogos psicológicos e abusos emocionais que passei com ele.

Mas tudo passa, as nuvens saem da frente e você consegue finalmente ver com toda a clareza do mundo o que antes não via.

E você sente gratidão por tudo ter finamente acabado, o ciclo ter encerrado e você poder dormir em paz.

E como numa noite de verão, uma brisa fresca toca seu rosto trazendo de novo todo aquele sentimento puro que você achou que jamais sentiria de novo.

E alguém especial chega, e como um passe de mágica, sem você nem perceber aquele ciclo se fecha e você finalmente consegue confiar de novo.

Uma nova história, um novo começo e para aquele horror todo que vivi, finalmente um fim.